E isto são mais palavras acerca do futuro!

Como já sabem eu sou um daqueles rapazes que se preocupa bastante com o futuro. E desde pequeno que isso acontece, não vou mentir. Mas essa vontade de ser alguém grande no futuro começa a desvanecer durante os dias que passam. Eu sei que sou adolescente e começo a perder o interesse completamente por isso. Mas é claro que nem tudo desaparece.
Tomei grandes decisões que podem determinar o meu futuro. Não vou pelas pessoas, vou por mim. Por aquilo que eu gosto, e não aquilo que tem mais vantagens. Acho que é uma lição que aprendei ao longo da vida.
Eu vejo tudo de forma diferente! As pessoas, os objetos, as atitudes, o mundo! Enfim, tudo. E acho que foi por causa disso que aprendi muito acerca da vida. Às vezes as pessoas não me aceitam por eu ser tão diferente em relação a esse aspeto. Mas por outro lado, às vezes sou muito bem aceite. E se querem que eu vos diga, nenhum dos meu amigos se identifica comigo. Ninguém vê o mundo da minha perspectiva. Apenas eu, acho. E Deus queira que não, porque não quero ficar neste mundo sozinho. Enfim, mas ainda estou por encontrar essa tal pessoa. Mas nestes últimos dias não tenho mostrado quem sou. Quem eu realmente sou. Eu sou sempre sincero, querido, simpático e adoro ajudar as pessoas. Não suporto ver ninguém triste. E é sempre por estas razões que as pessoas não me percebem. Eu pensava que eram só os meus pais (além de ser sempre), mas ninguém me percebe. Para a falar a sério, e sem exagerar, acho que sou especial. Mas mostro sempre às pessoas uma pessoa... que não sou... E sim, todos nós sabemos que está cada vez mais difícil uma pessoa integrar-se nesta sociedade de hoje em dia. Todos têm comportamentos iguais, e gosto todos uns dos outros. E as pessoas que não estão habituadas a isso, simplesmente ficam a olhar esperam. Não posso dizer que não tenho amigos, porque até tenho um número considerável de amigos. Mas existem sempre aquelas pessoas que nunca se identificam connosco. E eu tenho a certeza absoluta, que todos os rapazes que usam roupas novas todos os dias apenas mostram a pessoa que não são. Sim, eu também faço isso. Mas por vezes gosto sempre de ser eu, eu mesmo. Desligar-me do mundo, e ser apenas eu. Confiar nos amigos verdadeiros e em mais ninguém. Esse sim, sou eu.

No outro dia, estava a ver as minhas coisas velhas. Vi lá um caderno do meu antigo Jardim de Infância. Como eu era pequeno! E os outros...? Também!... Como eu tenho saudades desses tempos, em que ninguém se preocupava com nada nem ninguém. Era tudo tão fácil, que até dá dó! E agora... Somo todos crescidos - 14 e 15 anos - a pior fase que uma pessoa pode enfrentar...
Comecei a folhear o livrinho quando vi o meu auto-retrato. Ri-me é claro, porque eu dizia que "limpava as salas (narinas)". Eu era mesmo engraçado, e acho que ainda o sou. E mais abaixo vi: "Vou estudar muito para ser um homem". Aí eu sorri e vi como eu era sonhador... Até pus isso no meu telemóvel, para me encorajar quando estiver em baixo. Era um rapaz tão, tão agarrado ao futuro, que vocês nem imaginam!  E essa palavras encorajaram-me para seguir em frente. No matter what! É claro que vamos tendo aqueles obstáculos pela nossa frente, mas epah, enfrentamo-los!

E isto são mais palavras acerca do futuro!


Comentários

Mensagens populares