Ordinary Boy

Talvez se desistir desta ideia de ser o centro das atenções, as pessoas podem pensar outras coisas de mim. Aprendi que ser a pessoa principal tem belíssimas vantagens na vida. Ser a pessoa que se destaca no meio de muita gente é genial, e essa pessoa fui sempre eu. Era bastante popular, e orgulhava-me porque era eu que "comandava" no meu grupo de amigos, e se acontecesse alguma coisa, chamavam-me para resolver o problema. Era muito fixe essa sensação. Ser adorado por muitas pessoas é muito bom. Aproveitava-me sempre disso, e às vezes exaltava-me e comportava-me como um simples miúdo de 10 anos. Mas ao longo dos dias vim a saber que nem sempre é tão bom. Às vezes sabe bem não ser o centro das atenções e ser simplesmente mais um miúdo que vive no mundo, igualzinho aos outros. Passar despercebido pelas pessoas, é bom para variar... E eu já tenho vindo a sofrer muito com isso. Não literalmente, é claro, vim a sofrer desvantagens. Vim a perder amigos por causa destas atitudes e até fãs... De 12 anos... Eu sei que consigo melhorar a minha atitude, eu sei que sim. E eu sei que não é preciso esforço! Eu sei quem sou, e não há ninguém para me dizer que sou outra pessoa. Com o tempo vai lá, acho eu...

Comentários

Mensagens populares